domingo, 1 de fevereiro de 2015

A tarde e noite deste sábado (31) foi bastante violenta no Bairro Paraíso em Santa Cruz, a primeira ocorrência se deu por volta das 16:00 horas quando um adolescente de 16 anos foi vítima de disparos de arma de fogo que o atingiram de raspão, a vítima que já é um velho conhecido da polícia deu entrada no hospital regional Aluízio Bezerra mas depois de medicado pela equipe médica foi liberado. 
Ontem à noite outra vítima de disparo de arma de fogo também deu entrada por volta das 19 horas no hospital Regional, segundo informes policiais,Luciano Bernardino da Silva de 28 anos (na foto ao lado) sofreu uma emboscada, quando o mesmo estava conduzindo uma carroça de capim e nas proximidades da "Cega Matilde" um desconhecido disparou um tiro, a bala o atingiu mas se alojou a menos de 2 cm, a equipe médica conseguiu retirar o projétil e o mesmo também foi liberado.
O Paralelo 
1
Um veículo Fiat Uno colidiu com uma residência na rua José Claudino, próximo a câmara de vereadores de São Paulo do Potengi, na noite desta sexta, 30.
2
Segundo informações da própria filha da moradora da residência, o veículo tentou desviar de uma moto que vinha na contra mão e acabou colidindo com a parede frontal da residência.
Após passar mal, a dona da casa foi socorrida para o hospital regional de São paulo do Potengi e passa bem.
A PM esteve no local e fez todo levantamento do acidente.
Fonte: Blog do BG

IMG-20150131-WA0219-870x418
A Polícia Rodoviária Federa e Juntamente com os GTO’s de Jardim do Seridó e Caicó, realizarão uma grande apreensão de drogas proveniente do estado de São Paulo.
A droga estava acondicionada e tabletes e vinha dentro de um caminhão que foi interceptado entre as cidade de Jardim do Seridó e Caicó.
O motorista do caminhão identificado como sendo Demetrio Candido Coelho, natural deCampo Redondo/RN, informou que tinha sido contratado para fazer o transporte da droga, mas não soube informar quem era a pessoa que o contratou.
Diante da negativa do motorista, ele foi autuado por tráfico de entorpecente, e ficará a disposição da justiça aqui no estado.
IMG-20150131-WA0212-719x418
IMG-20150131-WA0215-870x418
Fonte: Portal 190rn.com

anderson_silvaO palco era o mesmo da cena mais chocante do UFC, mas agora, Anderson Silva conseguiu mudar sua história no MGM em Las Vegas. Depois de 13 meses da fratura que sofreu contra Chris Weidman, o Spider mostrou contra Nick Diaz que ainda pode lutar por muito tempo e mostrar porque é chamado de o maior de todos os tempos.
Pode não ter tido um show de MMA, o mesmo com que o público ficou acostumado nos tempos em que era campeão dos médios, mas Anderson superou toda marra e provocação do norte-americano e conseguiu uma rara vitória por pontos, o que não acontecia desde 2010, quando derrotou Demian Maia. O brasileiro fez um combate duro, mas em que dominou o tempo todo e ainda tentou golpes bem plásticos.
“Obrigado Deus por me dar mais uma chance. Primeiro obrigado aminha família meus filhos e meus amigos meus amigos de verdade. Esse momento é muito importante pra mim pra toda minha família e pra todos os brasileiros. Queria agradecer a todos vocês que vieram aqui todos os brasileiros, e esse momento pra mim é muito importante por conta de tudo que sofri durante esse ano. Achei que não ia voltar a lutar no começo.”
Com essa vitória tranquila sobre Nick Diaz, Anderson Silva deve retomar o caminho do cinturão dos médios do UFC. Dana White até tinha prometido a ele uma luta pelo título em caso de vitória, mas com a nova lesão do campeão Chris Weidman e o consequente adiamento de sua luta com Vitor Belfort, a categoria está novamente estacionada.
Mas o Spider retoma o caminho das vitórias, após duas derrotas consecutivas em 2013. Em 19 lutas do UFC, desde que estreou no evento em 2006, com 17 vitórias. Ele ainda tem a maior série invicta da franquia (16 lutas), e o maior número de defesas consecutivas de cinturão (10 vezes).
Fonte: UOL

serra_1
Foi preso na noite deste sábado (31) na zona rural da cidade de Serra CaiadaDanilo Rodrigues da Silva de 22 anos de idade, após ter furtado oito botijão de gás de um estabelecimento comercial nas lagoas das figuras, zona rural da cidade.
serra_3
A Polícia Militar foi acionada, o comandante do destacamento Sargento Bonifácio e o Soldado Wilismar saíram em diligência até a comunidade rural, após colher informações sobre a ocorrência a polícia foi até o endereço do suspeito.
Na abordagem ao suspeito, foi encontrado o produto do furto em baixo de uma cama em sua residência, onde se caracterizou o flagrante delito.
O homem foi preso e encaminhado para a delegacia de polícia de Serra Caiada para os procedimentos cabíveis, onde logo após será transferido para o centro de detenção provisório de Pirangi em Natal e ficará a disposição da justiça.

Blog TANGARAENSE

sábado, 31 de janeiro de 2015

A maior parte dos criminosos que possuem a imagem do Coringa no corpo, possuem ligação com a prática do roubo e possibilidade de envolvimento em morte de policiais. (Foto: Divulgação)
A maior parte dos criminosos que possuem a imagem do Coringa no corpo, possuem ligação com a prática do roubo e possibilidade de envolvimento em morte de policiais. (Foto: Divulgação)
Estudo feito pelo capitão do Batalhão Especializado em Policiamento de Eventos, Alden José Lázaro da Silva, da Polícia Militar da Bahia, sobre processo de identificação de tatuagens em criminosos, revelou que muitas das imagens têm relação com a organizações criminosas ou crimes. Entre as descobertas, a pesquisa concluiu, por exemplo, que desenhos do coringa têm ligação com roubo e provável morte de policiais. Em outro caso recorrente, os palhaços, o pesquisador liga os criminosos aos crimes de formação de quadrilhas e roubos.
Com base no trabalho coordenado há aproximadamente 10 anos pelo capitão, foi elaborada a Cartilha de Orientação Policial com 36 tipos de tatuagens associadas a crimes específicos, que já começou a ser usada pela PM no combate à violência. Clique aqui e confira a cartilha.
Capitão Alden José autor da cartilha na Bahia. (Foto: Carla Ornelas/GOVBA)Capitão Alden José autor da cartilha.
(Foto: Carla Ornelas/GOVBA)
Alden José é bacharel em Segurança Pública, especializado em Prevenção da Violência, Promoção da Segurança e Cidadania pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), e instrutor de Uso Progressivo da Força e de Sobrevivência Policial na Academia de Polícia Militar.
Segundo conta, inicialmente, a pesquisa surgiu por curiosidade ao observar, nas ocorrências rotineiras, que era possível associar tatuagens aos crimes que os detidos poderiam ter cometido.
"Após investigações, conseguimos associar as tatuagens aos crimes. O problema é que nós tínhamos dificuldade de comprovar a relação por falta de material, seja na internet ou no meio policial. Todas as polícias do Brasil afirmavam categoricamente que todas imagens tinham associação ao crime, mas não havia estudos, nem materiais escritos", explica.
O capitão diz que a cartilha é mais ferramenta de consulta ao policial e, por isso, para análise, é preciso precisão no cruzamento de dados, saber se a pessoa já cumpriu pena, para avaliar se estão, de alguma forma, estão enquadradas ou catalogadas na cartilha. "Não é porque a pessoa tem uma tatuagem que vai ser ladrão ou assassino. Nosso objetivo não é discriminar pessoas que tenham tatuagem, mas demonstrar que certas tatuagens encontradas em algumas pessoas podem mostrar indícios de crime. A gente pode afirmar que uma parcela significativa de pessoas que cometem crimes tem tatuagens específicas. Do universo que foi investigado e catalogado, esses presos apresentavam associações com os crimes. O que afirmo é baseado nas estatísticas, consultamos os arquivos de inteligência da polícia", conta.
Criminosos que posseum a tatuagem do palhaço têm ligação com roubos e formação de quadrilhas. (Foto: Divulgação)Criminosos que posseum a tatuagem do palhaço
têm ligação com roubos e formação de quadrilhas.
(Foto: Divulgação)
Sobre a pesquisa
O capitão Alden relata que foram utilizados dados com provas indiretas, comparação de fotos de suspeitos em flagrante e de suspeitos presos que estavam no arquivo em algumas delegacias.

"O acervo digital das delegacias tem as pastas divididas pelo crime. Os suspeitos já estavam catalogados no sistema prisional e isso ajuda muito. Dentro dessas fotos, peguei as mais comuns, mais recorrentes e quais eram os crimes daqueles presos naquelas imagens. A segunda parte da pesquisa era confrontar as informações obtidas com presos que respondiam aos processo. Chegamos a conclusão que uma parcela significativa dos presos ainda suspeitos possuíam o mesmo padrão de presos condenado há anos", explica.
Ainda segundo Alden, a identificação das imagens no interior de presídios e delegacias baianas era o mesmo padrão São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais, o que, segundo ele, mostra que o tipo de desenho não se limita apenas ao estado da Bahia. Na quarta fase da pesquisa, foi possível comprovar a escolha das imagens. "Conseguimos indícios de palhaço em várias gangues do Estados Unidos, por exemplo. As imagens, quase sempre associadas ao mundo da infância, são usadas pelo crime como estratégia de comunicação entre gangues", relata.
Do G1 BA
Vídeo mostra rapazes sentados nos bancos da frente de carro da PM (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)Um vídeo que circula pelas redes sociais mostra dois rapazes fazendo piada dentro de um veículo da Companhia de Patrulhamento Tático (CPT), da Polícia Militar de Goiás. Nas imagens, é possível ver o carro, que está molhado, entrando em uma espécie de garagem. Em seguida, os vidros são abaixados e o rapaz que estava na direção, segurando um cigarro, diz: “E aí, galera do zap-zap [referindo-se ao aplicativo de celular WhatsApp], essa é a primeira vez que eu estou no banco da frente”.

Depois, o autor do vídeo se afasta e os dois ocupantes dão risadas. Um dos jovens faz um sinal em alusão a uma arma e o outro continua a falar: “Aqui é nóis [sic] maluco. Falou, até mais”. Procurada, a assessoria de comunicação da Polícia Militar informou que recebeu as imagens e identificou que o veículo pertence ao CPT de Jataí, no sudoeste do estado. No entanto, ainda não se sabe em que circunstâncias os rapazes tiveram acesso ao veículo.
A suspeita é a que eles seriam funcionários de um lava a jato, onde o carro teria sido lavado. A corporação ressaltou que o caso foi encaminhado à Corregedoria, para a devida investigação. 
G1
A Secretaria de Segurança do Rio Grande do Norte enviou o avião do Estado, na noite desta sexta-feira, ao município de Pau dos Ferros.
A aeronave foi resgatar o tenente da Polícia Militar, Luciano, que levou um tiro de espingarda, calibre 20.
O tenente e mais 3 policiais militares foram chamados para uma ocorrência na zona rural de Pau dos Ferros, mas
foram recebidos à bala por uma pessoa identificada por Roque Dário.
Na troca de tiros, o suspeito morreu.
Tenente Luciano foi salvo pelo colete à prova de balas, e teve a visão preservada por causa dos óculos que usava. É que o estilhaço da bala respingou no rosto do tenente quebrando a lente.
Tenente Luciano levou 3 tiros e foi transferido de Pau dos Ferros para Natal.
As fotos foram postadas no twitter do jornalista de Mossoró, @cezaralves
O avião do governo em Pau dos Ferros
IMG_2251
A espingarda de onde partiram os tiros que atingiram o policial
IMG_2253
A casa na zona rural de Pau dos Ferros onde ocorreu a troca de tiros
IMG_2254
Os óculos do tenente, atingidos por rastilhos de bala
IMG_2252
Fonte: Thaisa Galvão


Por volta das 05hs da manhã deste sábado 31, a pessoa de Aldenir Francisco dos Anjos, de 33 anos, residente no distrito Serra da Tapuia município de Sítio Novo, acabou sendo vítima de acidente de trânsito na RN-093, estrada que liga Sítio Novo a cidade de Tangará


Segundo informações colhidas no local, a vítima conduzia uma moto tipo FAN 125 de cor preta, quando acabou sobrando em uma curva já na entrada da cidade de Sítio Novo. 


Segundo ainda informações, populares que foram até o local para ver o ocorrido, se depararam com a vítima ainda com vida, rapidamente os populares entraram em contato com o socorro, mas, ao chegarem no local o mesmo não chegou a resistir. 

Aldenir deixa sua esposa e uma filha.

A polícia está no local aguardando a chegada do ITEP para a remoção do corpo.

terça-feira, 27 de janeiro de 2015

Bispo celebra casamento homoafetivo em Maceió (Foto: Micaelle Morais / G1)
Bispo celebrou casamento homoafetivo na última sexta-feira (23) em Maceió (Foto: Micaelle Morais / G1)

O Bispo Chanceler da diocese de Maceió da Igreja Católica Brasileira (ICAB), Dom Fernando Pugliese, que realizou o primeiro casamento homoafetivo relalizado com benção católica em Alagoas, foi suspenso de ordem após realizar a cerimônia na última sexta-feira (23). A decisão foi anunciada através de um comunicado oficial no site oficial da instituição, que é dissidente da Igreja Católica Apostólica Romana. Apesar da punição, o bispo mantém-se firme sobre o assunto. "Fiz essa bênção nupcial com a melhor das intenções e não me arrependo do que fiz", defende-se.
Com a suspensão, Pugliese não poderá realizar nenhum sacramento em nome da Igreja Católica Brasileira, como rezar missas e realizar cerimônias. De acordo com o Bispo Diocesano Dom Walbert Rommel Coêlho Galvão Barros, ele deve apresentar defesa para o Superior Tribunal Eclesiastico da Igreja em até 30 dias. Ainda segundo ele, caso Pugliese não apresente a defesa, corre o risco de ser excomungado.
Em nota, a ICAB informou que "não é contrária às conquistas na sociedade pela igualdade e isonomia entre as pessoas", porém considera o comportamento sexual humano sacramental por natureza, podendo somente ser celebrado religiosamente casamento entre homem e mulher.
A Igreja ainda informou que Pugliese não teve liberação da instituição, nem dos demais bispos conciliares, sendo a aprovação da cerimônia totalmente desconhecida pelo Conselho Episcopal e por todo o Concílio dos Bispos.
"Tal atitude é um ato espontâneo, irreverente e rebelde do bispo, que segundo suas opiniões pessoais faz uso irresponsável do dom que lhe foi concedido, de forma abrupta o distribui, de forma autoritária e rebelde", diz a nota.
Indagado sobre o posicionamento da ICAB, Dom Fernando Pugliese informou à reportagem do G1que não foi avisado oficialmente pela instituição. "Houve uma polêmica muito grande. Acho difícil me expulsarem, pois tenho 82 anos e muito tempo de serviço prestado. Acredito que seja perseguição. Assim que for comunicado, apresentarei defesa, mas estou tranquilo", disse.
Confira a nota na íntegra:
A presidência da Igreja Católica Apostólica Brasileira – ICAB – através de seu presidente, Dom Josivaldo Pereira de Oliveira, pronuncia-se sobre a matéria veiculada no site do O Globo, g1.globo.com, a respeito de um “casamento gay” que será celebrado por um bispo da Igreja Católica Apostólica Brasileira, Dom Fernando Pugliese, auxiliar na Diocese de Maceió – Alagoas.
...

A Igreja Católica Apostólica Brasileira não é contrária às conquistas na sociedade pela igualdade e isonomia entre as pessoas. Neste sentido, rechaçamos qualquer forma de violência verbal ou física por causa das opções e orientações que um cidadão faça em termos político, religioso, ideológico e sexual.

Todavia, a Igreja Católica Apostólica Brasileira considera o comportamento sexual humano sacramental por natureza.

A Igreja Católica Apostólica Brasileira, neste diapasão, prioriza o entendimento Bíblico e a Tradição Cristã. Sacramentalmente, para a Igreja Católica Apostólica Brasileira, segundo seu Código Eclesiástico, matrimonio como Graça de Deus, somente pode ser celebrado entre Homem e Mulher.

A notícia evidencia que o citado Bispo, dom Fernando Pugliese, tem a aprovação da Igreja e dos demais bispos conciliares, situação totalmente desconhecida pelo Conselho Episcopal e, obviamente, por todo o Concílio dos Bispos.

Tal atitude é um ato espontâneo, irreverente e rebelde do bispo, que segundo suas opiniões pessoais faz uso irresponsável do dom que lhe foi concedido, de forma abrupta o distribui, de forma autoritária e rebelde.

Dom Fernando Pugliese não tem nenhuma aprovação de nenhuma instância da Igreja Católica Apostólica Brasileira , nem mesmo tem amparo legal e de documentos que o outorgue direitos para levar a cabo esta cerimônia.

A Igreja Católica Apostólica Brasileira, representada por todos seus bispos, padres e fiéis lamentam o fato e a atitude do irmão, os mesmos repudiam essa decisão do Bispo e desaprovam tal atitude que fará com que Dom Fernando Pugliese seja sancionado pelo Tribunal Eclesiastico da Igreja por tão grande incompatibilidade com a comunhão e o colegiado dos Bispos.

O Bispo Diocesano de Maceió, Dom Rommel, também REPROVA oficialmente a realização de tal ato e jamais foi consultado sobre o acontecimento do mesmo. Lamenta o incidente em que envolve pessoas de bem, mas afirma que sua posição está em desacordo com Dom Fernando Pugliese e que a Diocese de Maceió interpreta essa ação do Bispo Auxiliar como um ato de desobediência à Igreja Particular da ICAB em Alagoas e contra a hegemonia do Concilio dos Bispos.

Assim entendemos a situação e oficialmente expressamos nosso parecer sobre esta notícia veiculada pelo site g1.globo.com.

Assessoria de Imprensa da Igreja Católica Apostólica Brasileira
Governo Central

*Larissa Vasconcelos colaborou
Do G1 AL
Pavilhão 1 da Penitenciária de Alcaçuz é alvo da operação de revista da PM (Foto: Henrique Dovalle/G1)
Pavilhão 1 da Penitenciária de Alcaçuz é alvo da operação de revista da PM (Foto: Henrique Dovalle/G1)

Encomendas de morte, entrada de celulares e drogas estão nas conversas que os presos do sistema penitenciário do Rio Grande do Norte mantêm com pessoas do lado de fora das unidades prisionais do estado. O G1 teve acesso aos áudios de algumas das mais de duas mil interceptações telefônicas que fazem parte das investigações da operação Alcatraz, deflagrada no dia 2 de dezembro em 15 cidades do RN e que também cumpriu mandados nos estados de São Paulo, Paraná e Paraíba. A ação foi realizada conjuntamente pelo Ministério Público Estadual, Polícia Rodoviária Federal e Polícia Militar do RN.


A Coordenação de Administração Penitenciária (Coape) informou que um planejamento estratégico está sendo montado para tentar acabar com a atuação das organizações criminosas nos presídios. Sobre a utilização de celulares pelos detentos, o coordenador de Administração Penitenciária, Leonardo Freire, disse que o governo pretende instalar bloqueadores de sinais de telefonia móvel, mas ainda não existe uma previsão sobre quando isso vai acontecer.

As ligações foram feitas a partir da Penitenciária Estadual de Alcaçuz, em Nísia Floresta, na Grande Natal - a maior unidade prisional do estado. Em uma das escutas, um preso conversa com um traficante sobre a cobrança de uma dívida. "Tô querendo ver como eu pego ele lá. Ele tá com carro, tá com tudo e não quer pagar mano (sic)", afirma o detento, revelando que tem R$ 14 mil para receber de um homem de Macaíba, também na região metropolitana da capital.

Do outro lado da linha, o suposto traficante deixa claro que, se for necessário, ele mesmo acertará as contas com o devedor. "Se você quiser, eu vou buscar ele lá dentro da casa dele. Só é arrumar dois boy aí (sic)", diz. De pronto, o preso informa que tem o equipamento e pessoas para executar o crime. O detento cita que tem as 'peças' [armas] e 'camisas' [coletes à prova de bala]. "Tenho ali, tenho mais as peças, tenho camisa, tenho tudo. Esses boy que eu vou mandar para você é da minha confiança. É meus primo, meus irmão, cara que fecha comigo até a alma (sic)".


Na mesma conversa, o preso também se disponibiliza a matar desafetos do traficante, caso seja preciso. "Quando um cara enrolar você e você vir que se prejudica naquele canto, você dá uma ideia a nós e nós pega. Tá ligado? Tem que ser um bagulho que tenha motivo. Não é por toda dívida que ninguém pode estar matando o povo. Até porque eu não gosto disso (sic)", diz o detento.

Em uma conversa com uma mulher, um preso fala sobre as liberdades de uma visita íntima que acontecerá no dia seguinte. A mulher reclama da cela escolhida para o encontro e questiona o preso se é permitido fumar no local. O detento responde: "Aqui não tem frescura não. Pode fumar maconha, pode tudo. Só não pode quando tem criança (sic)".


Policiais do BPChoque realizam vistoria na Penitenciária de Alcaçuz (Foto: Henrique Dovalle/G1)Penitenciária de Alcaçuz é a maior unidade prisional
do estado (Foto: Henrique Dovalle/G1)
'Bandido trajado'
Uma possível facilitação da entrada de drogas nos presídios também é assunto das conversas interceptadas na operação Alcatraz. Um preso fala sobre um agente penitenciário que estaria dispostos a "resolver" problemas dentro do presídio. "Esse bicho não embaça não (...) esse boy aí é um bandido trajado. Pode botar fé. Mete bagulho e tudo aqui, homi. O que tiver para resolver aí, ele resolve aqui (...) resolve bem ligeirinho. É só dizer onde tá. Ele caça igual um animal quando tá com fome atrás de uma presa" (sic)", afirma.

Nas escutas, os detentos ensinam como entrar com celulares na unidade prisional. "Depois que ele dá o baculejo, aí a mulher vai com dois telefones escondidos na mão, coloca na sacola e entra. Entendeu? (sic)", orienta um preso, que faz o pedido do celular de uma marca específica. "Mande um LG que eu tô precisando de um mesmo (sic)".

Em outra ligação, um preso conversa com uma pessoa do lado de fora do presídio que estaria jogando celulares para o lado de dentro da penitenciária. "Pode jogar que tá de boa (...) manda, a hora é essa (...) ficou um pouquinho longe, mas a gente dá um jeito (sic)", fala o detento.

Operação Alcatraz cumpre 330 mandados de prisão, busca e apreensão no RN e em outros três estados (Foto: Matheus Magalhães/Inter TV Cabugi)Operação cumpriu 330 mandados em diversos
estados  (Foto: Matheus Magalhães/Inter TV Cabugi)
Operação Alcatraz
A Operação Alcatraz foi deflagrada no dia 2 de dezembro e cumpriu 223 mandados de prisão em 15 cidades potiguares e também nos estados da Paraíba, Paraná e São Paulo. Destes, 154 foram contra pessoas que já estão encarceradas. Ao todo, 161 pessoas já foram denunciadas pelo Ministério Público do Rio Grande do Norte por suspeitas de crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico e organização criminosa – todas elas, segundo as investigações, associadas com duas facções que estariam ditando regras e comandando diversos crimes de dentro dos presídios do estado.

As duas facções, de acordo com as denúncias, surgiram a partir de uma organização criminosa que nasceu em São Paulo. No dia 7 de dezembro o 'Fantástico' exibiu gravações que mostram como esta facção vende drogas no Nordeste.

As denúncias feitas até agora apontam a existência de organizações criminosas dentro do sistema penitenciário estadual desde 2003. Na ocasião, "diversas fontes" relataram ao MP a existência de uma facção dando as ordens na Penitenciária João Chaves, na Zona Norte de Natal. Desativada em 2006, a unidade ficou conhecida como "Caldeirão do Diabo".

G1RN
300x200_5NxbB7JMgZpm59129D61Uma viatura da Polícia Civil foi roubada, na noite desta segunda-feira (26), durante um arrastão no Pitimbu. Bandidos invadiram uma residência para assaltar e, na fuga, levaram o veículo Meriva, que estava estacionado na frente da casa e é descaracterizado.
Já na BR 101, em Parnamirim, os criminosos possivelmente perceberam que o veículo se tratava de uma viatura e acabaram abandonando o carro, bem como os pertences levados durante o arrastão no Pitimbu.
Uma moradora do local, que terá identidade preservada, presenciou o crime e relatou que dois homens chegaram a pé e um terceiro ficou dando suporte em um veículo Ford Ka, de cor branca e placas não identificadas.
Fonte Portal BO
homicidio_26.01
A Polícia Militar em Santa Cruz confirmou o segundo homicídio no município em 2015. O primeiro aconteceu a três dias atrás.
Foi assassinado o jovem Lúcio Flávio, de apenas 15 anos. O crime ocorreu no bairro Maracujá, no setor conhecido por existir algumas pedreiras. A polícia encontra-se no local buscando mais informações sobre o crime.
Ainda não se sabe a motivação e nem quem são os suspeitos de ter matado o jovem. A Polícia Militar já faz diligências em busca de prender os acusados.
Fonte: Édipo Natan

sexta-feira, 16 de janeiro de 2015

O cantor Renner, que ficou apenas três dias numa clínica de reabilitação após se envolver num acidente de carro sob efeito de bebidas alcoólicas, agora quer dar uma reviravolta na carreira e vai se dedicar à música gospel. A informação foi divulgada no programa “A tarde é sua”, da Rede TV.

O cantor é evangélico desde 2010. Ainda de acordo com o programa, ele já gravou um CD, que nunca foi lançado. Após o acidente, Rick optou por desfazer a dupla com Renner e já se apresentou sozinho em programas de TV.

Renner está passando por dificuldades. Ele deixou de honrar compromissos com três financeiras desde 2010, quando a dupla rompeu pela primeira vez. Renner, que está respondendo o processo em liberdade, teve a fiança de R$ 10 mil paga por Rick.

O padrão de vida do cantor, porém, não é compatível com a crise. Renner continua morando numa confortável casa em Alphaville e possui carros de luxo, como a BMW X5 que dirigia no dia do acidente. Nenhum dos bens, no entanto, está no nome do cantor — uma “manobra” para evitar que eles sejam usados para pagar as indenizações à família das duas vítimas fatais do acidente automobilístico provocado por ele em 2001. De acordo com o TJ-SP, a dívida já ultrapassa R$ 3 milhões.


O acidente automobilístico aconteceu no dia 26 de dezembro. O carro que ele dirigia bateu na traseira de um Fiat Uno que estava estacionado na avenida Pedro Bueno, no Campo Belo, Zona Sul de São Paulio. Ninguém se feriu. Renner foi submetido ao teste do bafômetro, que acusou uma quantidade de álcool nos pulmões acima da permitida por lei, segundo boletim de ocorrência. 

* O Paralelo com informações da Gazeta OnLine
bicicleta-019Todo mundo para o banheiro”. Foi com esta frase em alto tom que funcionários do deposito de uma empresa de eletrodomésticos, em Natal, foram surpreendidos na noite desta quarta-feira 14.
Segundo os funcionários que compareceram na delegacia de plantão zona sul, dois homens armados surpreenderam os nove funcionários que estavam descarregando a mercadoria de um caminhão, por volta das 19h30, no deposito da empresa em Parnamirim. “Eles chegaram apontado a arma e foi revistando e tomando os celulares da gente. Depois foi mandando todos para o banheiro”, disse o funcionário.
A ação durou cerca de 10 minutos e os criminosos conseguiram levar vários aparelhos de celulares e produtos de informática. A Polícia Militar foi acionada mas até o momento os criminosos e a mercadoria não foram localizados.
Fonte: Portal 190rn.com

quinta-feira, 15 de janeiro de 2015


Três pessoas de uma mesma família morreram vitimas de um acidente que ocorreu na manhã desta quinta-feira (15/01) na ladeira do campo comprido em CUITÉ -PB .

Um Celta com placas de PICUI - PB, foi atingido frontalmente por um caminhão desgovernado por um caminhão com placas de  ITAPETINIGA – SP, que descia a ladeira do campo comprido . 

Segundo o radialista Galvani Silva o impacto foi tão forte que o veiculo de passeio foi arrastado por mais trinta metros  ladeira a baixo só em um barranco. 

O Blog O Paralelo recebeu informações através do Whatsapp que no Corsa vinham um casal e uma sogra., ambos estariam se dirigindo a uma clinica de Cuité para exames, uma vez que uma das vítimas estava grávida.  

*Com informações Galvani Silva e finalização do Blog O Paralelo
IMG_2945-1024x682
O Sargento Edmilson Emanoel da Polícia Militar e responsável pelo o policiamento do município de Lajes pintadas, após um longo período de serviços prestados a população do município, comunicou a sua saída ontem as 16 horas.
O Sargento Emanoel, assim conhecido por todos, conversou por telefone com o Maisfmnoticias logo após sua saída do comando da PM local e aproveitou a ocasião para agradecer o bom vínculo que sempre teve com os sites da cidade e da região, dizendo que sempre esteve a disposição em ajudar as pessoas de bem que moram na cidade e na área rural do município.
Com a saída do SGT Emanoel, ainda não se tem a confirmação de quem assume o comando do policiamento da PM local.
Fonte: Maisfmnotícias

O Ministério Público Federal emitiu o RCED – Recurso Contra Expedição de Diploma, onde o próprio Ministério Público pede a cassação em 2° estância do diploma do deputado Tomba. Caso se confirme, o deputado perderá seus direitos políticos e ficará inelegível no período de 8 anos.

A ação movida relata atos de improbidade administrativa e por usos ilegais de verbas federais.

Blog santacruzrnonline
14.01-horz-640x418
Policiais Civis da 1ª. Delegacia Regional de Polícia de São Paulo do Potengi, com apoio da Delegacia de Macaíba, prenderam na manhã desta quarta-feira 14, Yvison Júnior da Silva Souza, 33 anos. O mesmo esteve envolvido junto com um outro comparsa ao assalto a Casa Lotérica em Sítio Novo, fato ocorrido no dia 17 de julho de 2013 
Yvison foi preso em Macaíba nesta quarta-feira junto com o Anderson Patrício da Silva,19 anos.
Os acusados foram detidos em flagrante pelos crimes de receptação e posse ilegal de arma, quando estavam no bairro Campinas, em Macaíba. A Polícia conseguiu apreender com os acusados, uma moto roubada e um revólver calibre 38.
Segundo investigações da Polícia, Yvison vinha efetuando vários crimes na região, como roubos e latrocínio. Ele também participou dos roubos a uma agência dos Correios em Bento Fernandes e a um posto de gasolina, em São Pedro do Potengi. Além disto, ele é apontado como autor de um latrocínio acontecido, há cerca de três meses, na zona rural de Bom Jesus. Yvison já possuía dois mandados de prisão expedidos pelas comarcas de São Paulo do Potengi e Macaíba.
Fonte: Portal 190rn.com com alterações do blog Sítio Novo em Destaque
00000_3As contas de energia elétrica devem subir, em média, 40%, em 2015, segundo estimativa da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) apresentada na segunda-feira à presidente Dilma Rousseff e aos novos ministros da Fazenda, Joaquim Levy, e de Minas e Energia, Eduardo Braga. 
O aumento é bem maior do que o que consta no relatório de inflação do Banco Central, que previa alta de 17% e pode representar um acréscimo de 1,2 ponto porcentual no índice de inflação (IPCA) deste ano. 
Segundo o jornal Valor Econômico, na conta da Aneel já está previsto o fim da ajuda do Tesouro Nacional às elétricas. Essa política foi adotada no ano passado para evitar que as empresas quebrassem diante do aumento exponencial de custos e o minguado caixa.
Em ano de corte de gastos, o governo disse na segunda-feira que não bancará mais o rombo financeiro, deixando para trás a política tão defendida pela presidente em 2012, baseada em subsídios ao setor com o objetivo de baixar a tarifa ao consumidor. Em 2014 foram emprestados 17,8 bilhões de reais às elétricas, conta que ainda será paga pelos consumidores brasileiros.
Vale lembrar, porém, que o reajuste nas contas variam de região para região, de distribuidora para distribuidora, e podem, segundo o Valor Econômico, ter um peso ainda maior para as indústrias do Nordeste. Isso porque o Ministério de Minas e Energia sugeriu à presidente por fim em um contrato que expira em junho com a Chesf e, há trinta anos, permite que a companhia venda energia elétrica a preços menores (um terço do habitual) para as indústrias eletrointensivas na Bahia, Alagoas e Pernambuco.
Em resposta, a Aneel disse que “qualquer valor estimado seria precipitado, uma vez que a Agência trabalha na elaboração do orçamento da Conta de Desenvolvimento Energético (CDE)”. A previsão é que o documento seja submetido à audiência pública na primeira reunião ordinária da agência, em 20 de janeiro.
Fonte: VEJA